segunda-feira, 4 de dezembro de 2006

Ave Franklin! Por BruneLLa França

Por que política?

“O homem é um animal político” Aristóteles.

POLÍTICA deriva do grego antigo πολιτεία (politeía) denotando procedimentos relativos a polis ou cidade-estado. É a mais antiga das atividades humanas e uma das mais importantes também.

Política é a ciência dos fenômenos referentes ao Estado, a arte de conquistar, manter e exercer o poder, o governo. Concepção de Maquiavel em O Príncipe. Para vários pensadores e teóricos, política é a ciência moral normativa do governo da sociedade civil. Para outros, o conhecimento ou estudo das relações de singularidade e concordância dos fatos com os motivos que inspiram as lutas em torno do poder de um Estado e entre Estados. A maioria dos tratadistas e escritores se divide em duas correntes. Para uns, política é a ciência do Estado. Para outros, é a ciência do poder.

No uso trivial, vago e quase sempre pejorativo, política é tida como substantivo ou adjetivo, compreendendo ações, comportamentos, intuitos, manobras, entendimentos e desentendimentos dos políticos para conquistar o poder, ou uma parcela dele, ou um lugar nele: eleições, campanhas eleitorais, comícios, lutas de partidos, etc.

Presentemente, é comum pessoas falarem com orgulho que não gostam de política. Não posso culpá-las. É possível, porém, questionar esta postura.

Por que então uma garota de 19 anos, com liberdade de escolha, decide-se justamente por escrever artigos situados na temática POLÍTICA? As razões são muitas, mas tentarei expor aqui a essência delas.

Nós vivenciamos política o tempo inteiro, o que está ao nosso redor envolve a política. Política é poder de decisão, discussão, debate e deliberação, então todos nós somos políticos! Acredito sinceramente que pautamos as nossas relações inter-pessoais por decisões políticas. O modo de agir, de falar, de ser é moldado por cada um segundo seu interesse, desejo, grau de confiança no outro, mesmo que isso não seja pensado. Todas as vezes que emitimos uma opinião estamos na verdade praticando um ato político. Nossa opinião pode ser consensual ou divergente. Faz-se necessário, no entanto, que esta opinião seja respeitada.

É fato que o Estado serve à sociedade, e nós votamos naqueles que queremos que nos representem. Entretanto, como atuar ativamente nas decisões políticas, se sequer sabemos como ela funciona?

Acho que seja difícil separar política de posicionamento ideológico e, como jornalista, não é correto atuar como militante partidária, sob o risco de passar um raciocínio maniqueísta e unidimensional da vida e da cidadania. Devo, sim, reforçar a importância da política para a vida das pessoas, a importância da sociedade civil participar, em espaços públicos, da definição de políticas públicas, a importância dos partidos, a história de cada um. Bertold Brecht, num poema belíssimo, já dizia que o pior analfabeto é o analfabeto político. Por isso, POLÍTICA!

Quero convidar você a freqüentar este espaço livre, onde proponho um debate despretensioso do cenário político brasileiro e também geopolítico. Afinal, na Idade Mídia, vivendo a mais recente fase da globalização, não se pode fechar os olhos para o contexto internacional e achar que estamos imunes, dentro de uma bolha.

Este espaço é nosso! Sejamos todos bem-vindos!

25 comentários:

Tasha! disse...

Primeira a comentar o texto da nossa colunista politica,a Bernadette n1. Afirmo que volto sempre!
Empolgadissima com o blogg!
Parabens pela estreia!

Gaby disse...

Com um texto desses preciso explicar ainda o porquê que a Bru é minha "ídola"? Quero ser vc quando crescer!!
=D

Nanda WP disse...

Aew, Maninhaaaaa!!
Parabéns hein? Mto fodis x]
Sucesso, ^^
Te amooo!!

sergioprofgeo disse...

Parabéns...
gostei do artigo, hoje se faz necessário falar sobre política, principalmente depois de vermos o retorno de pessoas que desviaram tanto dinheiro e foram novamente eleitos..

Anna K disse...

idem Gaby...!!

e, será que a garotinha tirou 10 em ESSP?

Gostei mesmo, nem sei o que comentar, é até...didático!!! 0.o"

irado!
=P

Mau disse...

Desde hoje Eu abdico de ler outros veículos de política, a não ser se orientado por vc!!!
vc sabe que seu fã estará sempre presente aqui para conferir a mais nova pérola da princesa guerreira!
essa coluna já decolou!

BruneLLa França disse...

Ai pessoas!!!!!!! Obrigada pelo incentivo!!! Estava com medo d escrever aqui, tensa! Afinal, não é nada fácil escrever sobre um tema que as pessoas não gostam muito... (para não dizer odeiam). Essa foi uma apresentação da coluna do tema dela, o mais difícil começa agora! Franklin Martins que me ajude!!! E vocês também, porque as críticas ajudam a desenvolver melhor o texto, pensar num caminho que eu não tenha visto, enfim, a participação de todos é muito importante e é o meu objetivo aqui!!!
Obrigada^^

Vitor disse...

Legal a coluna!
eu acho q esse negocio de 'eu nao gosto de politica' ou 'odeio politica' ou 'sou apolítico' nao existe.
a cultura e a politca sao indissociaveis do ser humano
gosto de uma frase de alguem que nao lembro que diz: "Aqueles que não gostam de política estão eternamente condenados a ser governados pelos que gostam"

ou seja, se eximir de participaçao politica nao significa q voce eh uma pessoa boa q nao se mete com sujeira. É quase um atestado de burrice, pois voce deixa de defender os seus proprios interesses, sejam eles individuais ou coletivos

quanto ao nao posicionamento partidario, etc... lembre-se que o Franklin Martins foi sequestrador do embaixador americano na epoca da ditadura....rsrss

Vitor disse...

ah
voce escolheu mto bem
o Franklin realmente é sem duvida um dos melhores comentaristas politicos do país (pra mim é o melhor)
mas tem alguem nesse blog que quer ser miriam leitão? É um ironia ou é sério mesmo?
Eca...
=p

BruneLLa França disse...

Obrigada Vitor! Eu também acho Franklin o melhor comentarista político atualmente! E eu sei também do caso do embaixador estadunidense!!! Muito foda!

E o "Quero ser Miriam Leitão" é a coluna de economia do blog!

Sylvia Ruth disse...

Opa! Tenho que começar a participar dos comentários aqui!

Ah, e sou eu a do "Quero ser Míriam Leitão". Que fique bem claro que este nome é só um trocadilho, muito cretino inclusive, porque

EU NÃO QUERO SER MÍRIAM LEITÃO!

Roberta disse...

ai ai..preciso dizer mais alguma coisa? Brunella sou sua fã...e p/ ñ perder o costume, tenho medo de vc =P
te adorooooo bru

ShaSha disse...

Cara... é por essas e outras q minha maior pretenção qndo eu crescer é ser como vc!

Ta mto bom o texto!!!!!!

:*

Isolina Soares disse...

Bru,que legal, principalmente porque foi um sufoco confesso... Quem diria que vc tremeria? Vou imprimir e pendurar num quadro de honra. Parabéns por mais esse passo.

Damiana disse...

Putz eh preciso dizer algo.... Bru OTIMO o texto =]

Pow nem sei pq vc ficou tensa, ate pq vc escreve e argumenta mt bem sobre politica!!!

*Sucesso aew viu
;**

Aline Dias disse...

concordo em gênero, número e grau.

Diego disse...

Adorei!!! Ficou excelente. Sua coluna será meu guia em assunto de política. Parabéns!!!!!

Ricardo Henrique disse...

vou falar que nem o serginho groisman...muito bom!!! abraços.

Bernardo Belisário disse...

eenfuuu!!
caramba bru, além de ter uma retórica maravilhosa, não é que a guria tb escreve pacas!! huahahua
Tb sou seu fã bru, não só de estrelinha no orkut e sim na vida! auhhuahhauhua
bjO, segunda-feira encontro marcado aqui no blog!! ;)

BruneLLa França disse...

Eu recomendo que as pessoas procurem alguém realmente entendido e especializado em política para fonte de informação e pesquisa!
Eu estou engatinhando ainda! Escolhi o tema porque é sobre o que eu amo falar, debater e me informar mais! Temos alguns bons jornalistas políticos no país com páginas e blogs especializados e bem interessantes na internet - recomendo Franklin Martins *Ave Ele!*. Vale a pena ler essas pessoas!
Meu texto é muito menos denso, embora não menos pretensioso.
Mas quero agradecer, mais uma vez, a todos que passaram por aqui e se dedicaram a ler sobre política na visão de uma jornalista caloura (por enqto)!!!
Estaremos por aqui toda segunda^^

Simone Azevedo disse...

Falar sobre a Brunella e seus textos é uma tarefa difícil.Não consigo pensar no número suficiente de elogios para descrever esse talento genoino.Não é pra qualquer um explomover sobre politica.Além de retórica, ela tem conhecimento.
Você e seus textos!
Simplesmente demais!

Elza França disse...

Bru, excelente texto, brilhante estréia.Você disse que ficou tensa? Todos que conquistaram o mundo começaram com o primeiro passo. Essa é a regra e você está na direção certa. Votos de continuado sucesso!!!!!!!!!!!

Laerte França disse...

Para mim não foi surpresa nehuma ler este brilhante texto pois, já conheço a sua capacidade, o seu potencial. Sinto-me orgulhoso.Parabéns.............
Beijos!
Seu pai

Rafa França disse...

manaaaaaaaaaaaaaaaa....
nem creio...
minha irmã estreando seus brilhantes textos na net...
adoro!!!!!!!!!!!!!!!!
=]
bjoxxx
e desejos d muito sucesso para você!!!
=]

Taiany disse...

Bru sou sua fã